O Inti Raymi é uma antiga celebração religiosa Inca, como todos sabemos, os Incas rendiam culto a seu Deus: O Deus Inti ou Sol em sal tradução ao português. Antigamente o Inti Raymi durava uns 15 dias, se faziam sacrifícios e se apresentavam bailes ou danças para adorar ao Deus Sol. O Último Inti Raymi que se realizo com a presencia do imperador Inca foi no ano 1535; um ano antes de “A conquista espanhola”, que em realidade foi a Invasão espanhola dada no ano 1536.

Atualmente o Inti Raymi é uma representação teatral, milhões de cusqueños e pessoas de todas partes do mondo de reúnem para este acontecimento que é uma das manifestações culturais e tradicionais mais atrativas. Esta celebração Inca faze que cada um de nós sinta correr a sangue Inca por suas veias y revalide nosso passado.

Image

Historia do Inti Raymi

O “Inti Raymi” ou “Festa do Sol” era a festividade mais grande, mais importante, mais espetacular e magnifica levada a cabo nos tempos do Imperio do Tawantinsuyo, o qual baseava sua religião no culto ao Sol. O Inti Raymi foi feito para render culto ao “Apu Inti” (Deus Sol) também conhecido em outros setores como “Apu P’unchau” (Deus Dia).

Os súbditos do Inca continuaram festejando a festa a escondidas das autoridades espanhóis. Um mestiço chamado Garcilaso da Veja recopilou, em seus afamados “Comentários Reales” (Comentários reais), descrições sobre esta festa única é incomparável.

O ingreso do Inca à Praça de Armas ou à explanada de Sacsayhuaman sempre foi presidida por um grupo de “Acllas” que espalharam flores e acompanhadas pelos Pichaq (homens que se encargavam de espantar com vassouras de palha aos maus espíritos que poderiam haver no caminho. O Inca em todas suas atuações ao ar livre era sempre acompanhado por seu “kumillo”, ou corcunda anão que portava a “achiwa”, tipo de guarda-chuva ou guarda-sol feita de penas de cores.

Outra parte da celebração do Inti Raymi consistia na cerimônia do fogo novo. Nesta parte da cerimonia a ordem do Inca era cumprida, a ordem de apagar o fogo em todos os fogões do Cusco e arredores com o propósito de ascender o fogo novo que era repartido desde uma fogueira a todos os fogões da cidade. Isso em ração que as cozinheiras são expertas não só em cozinhar, mas também em salvar o fogo entre as cinzas.

Data:

O 24 de Junho de todos os anos se celebra o solstício de inverno, em outras palavras o início do Ano Novo Andino: O Inti Raymi.

Cronograma

INICIO: 09:00 a.m Templo del Qorikancha (Av. El Sol).
CEREMONIA: 10:30 a.m. Plaza del Hawqaypata (Praça Maior de Cusco). CEREMONIA CENTRAL: 01:45 p.m.
CEREMONIA CENTRAL: 01:45 p.m. Explanada Chukipampa - Sacsayhuaman.

Percorrido Tradicional Do Inti Raymi

Percorrido Tradicional Do Inti Raymi

Localização Das Tribunas No Inti Raymi

Localização Das Tribunas No Inti Raymi

5 Razoes Para Não Se Perder O Inti Raymi

  1. É o 24 de junho e Cusco está em seu maior apogeu. É o mês em que Cusco recebe mais turistas que no resto do ano. Existe a oportunidade de fazer muito mais, como conhecer gente de distintos lugares e assim intercambiar experiências e anedotas.
  2. Cada 24 de junho, dia no qual o Sol se encontra em seu ponto mais distante da terra e que além coincide com o solstício de inverno, se celebra o Inti Raymi ou “Festa do Sol” em Sacsayhuaman, de fundamental importância no Incanato. É o dia em que se sente mais frio em Cusco, o clima pela manhã é ensolarado. É tempo de geada, pelo qual se recomenda sempre levar algo abrigador para quando a noite cai.
  3. A representação de cada um dos artistas é irrepreensível. Nivardo Carrillo é o nome da pessoa que interpreta ao Inca. Todos estos atores e atrizes cusqueños de nascimento estarão vestidos com trajes Incas, em sua maioria feitos com lã de ovelha, alpaca, etc. Como foi nos tempos passados.
  4. Se ouvem cânticos andinos em quéchua, adorações ao Deus Sol. As “Acllas” mulheres de singular beleza escolhidas para servir ao Inca e ao Deus Sol ou Inti, são quem se encargam de adorar a seu Deus com suas vozes doces. O Inca fala com o Sol, também em quéchua como em tempos passados.
  5. Se percorrem 3 lugares de grão importância dentro da cidade de Cusco: A saudação ao Sol, no antigo templo de Qorikancha, hoje convento de Santo Domingo. Logo o encontro de dois tempos em Huakaypata ou Praça Maior, entre o Inca e o Perfeito de Cusco. Y ao final a cerimonia central, na explanada de Sacsayhuaman.

Finalmente, cabe mencionar que a Lei N° 27431, a data 3 de março do 2001, reconhece que o Inti Raymi celebrado o 24 de junho de todos os anos na cidade de Cusco, Capital Histórica do Perú, constitui Patrimônio Cultural da nação, atuar oficial e principal Cerimonia Ritual de Identidade Nacional.

Image

Recomendações:

  1. Assegure-se com seu Ingresso.- Si quiser estar cômodo, o Inti Raymi é uma festa na qual a maioria fica a presenciar a cerimonia de pé, muitas pessoas, daqui e fora do país levam uma pequena cadeira para não ficar de pé o tempo todo. Em CuscoPeru.com temos uma variedade de tours, mas como falamos do Inti Raymi queremos que sua viagem seja inesquecível, é por isso que temos organizado um tour especial para esta festividade. Haz tu reserva aquí
  2. ¡Que quente está o Sol!.- Ainda não vi um Inti Raymi sem Sol. Este dia sempre foi ensolarado, pelo que não pode esquecer de usar bloqueador solar, e não só à cara, é melhor todas as partes de teu corpo que estarão descobertas como os braços, o pescoço, as orelhas, etc. Da mesma forma, tenha um bloqueador solar à mão, se recomenda usá-lo cada 45 minutos. Adicional a isto, deve usar óculos de sol e um boné ou chapéu; não é novidade que os raios ultravioletas cada vez estão mais fortes.
  3. Roupas Cômodas.- É muito provável que este dia seja quente e levar jaquetas seria um ponto contra. Um par de tênis para caminhar muito, O Inti Raymi tem uma duração de pelo menos 7 horas. As estadísticas do clima indicam que será um dia ensolarado, visitasse com algo que não te faz sentir calor nem frio, sua comodidade é primeiro.
  4. Leve alguma Bebida Reidratante.- Durante o percorrido tem mossas que vendem alimentos, pelo geral aproveitam a desesperação dos turistas por comprar algo de comer, é melhor ir preparado, e comprar bebidas e alguns snacks antes de partir, assim se evita problemas, sobre gastos e contratempos.
  5. Sempre alerta dos objetos pessoais.- Pessoas não desejáveis sempre estão a espreita de vítimas, estão em todo lugar. Acostumam aproveitar a multidão para meter a mãos aos bolsos e às mochilas. CuscoPerú.com recomenda não levar cosas de valor dentro das mochilas y/o bolsos. Lembra que: ¨Passageiros Felizes são novos Amigos¨.
Image